oral sin
Especial | ARTIGOS COLUNISTAS

Mato Grosso

Mato Grosso conquista 15 medalhas no Campeonato Brasileiro Caixa de Atletismo

Mato Grosso conquista 15 medalhas no Campeonato Brasileiro

(Foto: Marcio Camilo Seduc/Sael-MT)

A delegação de Mato Grosso conquistou 15 medalhas no Campeonato Brasileiro Caixa de Atletismo Sub 18, que ocorreu no último final de semana, em São Bernardo do Campo (SP). As medalhas garantiram a quarta colocação do Estado na competição que reuniu os principais atletas juvenis do país. Dos 18 atletas de Mato Grosso, que participaram do campeonato, todos passaram pelas etapas regionais dos Jogos Escolares da Juventude, realizada pelo Governo do Estado.       

 

Um desses atletas é a estudante Mirieli Estaili, 18 anos, do município de Sorriso. No brasileiro, ela conquistou duas medalhas de ouro, sendo uma no solto em distância, com a marca de 5,82 metros, e a outra no salto triplo, com a marca de 12,93 metros.

 

Mas antes de chegar ao brasileiro, Mirieli disputou, entre os meses de junho e julho deste ano,  a etapa regional dos Jogos Escolares da Juventude em Mato Grosso. Na oportunidade ela também foi o grande destaque da competição ao ganhar medalhas de ouro no salto em distância e no triplo.

 

Para o presidente da Federação Mato-grossense de Atletismo, Francisco Antônio da Silva, os Jogos Escolares, organizados pelo Governo de Mato Grosso, são de fundamental importância, pois servem de base para os jovens atletas, que se sentem motivados a participarem de grandes competições pelo país. “Os jogos escolares servem de preparação para que os atletas disputem mais competições ao longo do ano”, enfatizou.

 

Ele também destacou o apoio do Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria Adjunta de Esporte e Lazer (Sael-MT). “Nos últimos anos, a secretaria tem sido uma grande parceira da Federação Mato-grossense de Atletismo, principalmente com custeio de viagens para os atletas disputarem competições fora do Estado”, citou. “E só o fato do governo realizar os jogos escolares já é uma grande ação para fomentar e desenvolver o esporte em Mato Grosso”, completou.

 

Os ouros no salto em distância e no salto triplo, no Campeonato Brasileiro Caixa de Atletismo Sub 18, fez com Mirieli conquistasse o direito de fazer parte da seleção brasileira de atletismo que irá disputar o Sul-americano, nos dias 12 e 13 de novembro.  Além de Mirieli, as mato-grossenses Fabielle Samira Ferreira e a Isabelle Cristina de Almeida também conquistaram o direto de representar o país na competição internacional.

 

Para Mirieli, essas competições servem de preparação para o seu grande objetivo: participar das Olimpíadas no Japão, em 2020. “Com certeza esse é o meu sonho maior e dedicação para isso não vai faltar. Vou treinar muito para um dia representar o meu país nas Olimpíadas”, disse a garota.  

 

Das 15 medalhas que a delegação de Mato Grosso conquistou no brasileiro, quatro foram de ouro, cinco de prata e seis de bronze. Na colocação geral, Mato Grosso ficou atrás apenas de grandes centros como São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.

 

Medalhas

 

Lazaro Julio da Silva – prata no salto triplo (Pontes e Lacerda);

Evandro da Luz Bandeira – prata nos 1.500 e 3.000 metros (Barra do Garças);

Isabelle Cristina de Almeida – ouro nos 1.500 e bronze nos 800 metros (Sorriso);

Mirieli Estaili – ouro no salto em distância e no salto triplo (Sorriso);

Kevim Yuk – bronze no salto em altura (Rondonópolis);

Joselho Ferreira – bronze no arremesso do peso (Sinop);

Anny Marcelly – bronze salto em altura e no heptatlo (Sorriso);

Arielton Costa – prata nos 200 metros e bronze nos 100 metros (Sorriso);

Fabielle Samira – ouro no lançamento do dardo (Sorriso);

Kauany Piovesan – prata no lançamento do dardo (Sorriso);

Por: Nortao Online/Assessoria