oral sin
Especial | VARIEDADES

00 de de 0000 ás 00:00:00

Mutirão Rural leva serviços públicos e atendimentos de saúde aos moradores da comunidade Sol Nascente

Luís Eduardo Cantão Veloso, diz que a parceria com a prefeitura e entidades foi fundamental para viabilizar o Mutirão Rural.

(Foto: Assessoria)

Os moradores da região da comunidade Sol Nascente foram atendidos durante toda essa quinta-feira (06.06) com serviços públicos e atendimentos de saúde oferecidos pelo Mutirão Rural realizado em parceria pela Prefeitura de Colíder, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e Sindicato Rural com apoio de secretarias municipais, Sicredi, Incra, Defensoria Pública, Rotary Clube, profissionais libeiras, entidades e colaboradores.

Foram ofertados corte de cabelos, consultas médicas, odontológicas e oftalmológicas, orientação à saúde, fotografia 3X4, emissão de carteira de identidade, plastificação de documentos, jogos educativos, segunda via de documentos, orientação jurídica e atividades recreativas para crianças.

O prefeito Noboru Tomiyoshi e secretários municipais acompanharam as atividades. Para o gestor de Colíder, essa foi uma oportunidade para que a Prefeitura e entidades parceiras pudessem levar ações importantes ao morador do campo. “E aproveitamos esse evento para conversar com as pessoas e conhecer suas necessidades e demandas para que o governo municipal possa promover mais intervenções importantes, contribuindo e melhorando a vida dos moradores das comunidades”.

PARCERIA IMPORTANTE

A ação atendeu moradores de todas as comunidades da região, como Marco de Cimento, Zé Reis, Novo México, Trevo Ouro Verde e Café Norte. O supervisor do Senar, Luís Eduardo Cantão Veloso, diz que a parceria com a prefeitura e entidades foi fundamental para viabilizar o Mutirão Rural. “Todos os anos levamos essa ação para aquelas comunidades que mais precisa dos nossos serviços. E os nossos melhores mutirões, com certeza, são realizados em Colíder”, afirma.

O Sindicato Rural doará 100 óculos para as pessoas que realizaram a consulta oftalmológica no Mutirão Rural. “Um óculos com armação custa, por baixo, mil reais, totalizando cerca de 100 mil reais. E nós, do Sindicato Rural, vamos voltar à comunidade para entregar os óculos para cada um daqueles que foram atendidos aqui”, diz o presidente da entidade, Edmilson Belarmino de Lima.

CIDADANIA NO INTERIOR

A Defensoria Pública de Colíder também prestou atendimentos durante o Mutirão Rural. Para o defensor Claudinei Seho, esse tipo de ação facilita o acesso do morador do campo aos serviços públicos. “A Defensoria aproveita essa oportunidade para chegar mais perto desses cidadãos e prestar uma assistência jurídica. E os casos que a gente não pode resolver aqui encaminhamos para o núcleo de Colíder”.

O secretário municipal de Administração, Vanderlei Borges, comenta que a Prefeitura de Colíder reforçou a oferta de ações públicas às pessoas que moram no interior. “O pessoal que mora na zona rural tem as dificuldades de locomoção para ir até a cidade para resolver seus problemas com documentação ou alguns exames de saúde. Com o mutirão, várias entidades se juntaram à prefeitura e ao Senar para trazer esses serviços à população do campo”.

CAMPANHA DO HOSPITAL DO CÂNCER

Durante o Mutirão Rural também foi realizada a triagem de pacientes para os exames preventivos gratuitos de câncer de colo de útero, boca, próstata, mama e pele que o Hospital do Câncer de Mato Grosso (HCanMT) oferecerá em Colíder nos dias 16 e 17 de junho.

“Então a gente utilizou esse momento para fazer uma triagem. Os nossos especialistas realizaram exames e identificar os pacientes que precisam ser atendidos pela campanha do Hospital do Câncer”, pontua o secretário municipal de Saúde, Rafael Bosco.

Por: Assessoria