rei do pano
Especial | VARIEDADES

08 de Outubro de 2019 ás 09:42:14

Prefeitura de Colíder realiza hoje audiência pública sobre pavimentação asfáltica

Vanderlei Borges reforça que a audiência pública é uma oportunidade para os moradores conhecerem e entenderem o projeto

A Prefeitura de Colíder, a Secretaria Municipal de Planejamento, Fazenda e Administração e a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras realizam nesta terça-feira (08.10), às 19h, uma audiência pública no auditório Amazônia, da Acic.

O evento irá debater o projeto de pavimentação asfáltica de ruas e avenidas da cidade e a modernização da iluminação pública com lâmpadas de LED. A iniciativa prevê o custeio das obras e serviços com recursos da Caixa Econômica Federal.

O prefeito Noboru Tomiyoshi salienta que a presença dos moradores é fundamental. “É importante a presença de todos, principalmente das pessoas que moram naqueles bairros onde ainda há vias sem pavimentação asfáltica”, enaltece.

MODERNIZAÇÃO DA CIDADE

O secretário Vanderlei Borges reforça que a audiência pública será uma oportunidade para os moradores conhecerem e entenderem o projeto formulado pela Prefeitura de Colíder e que será encaminhado nos próximos dias à Câmara Municipal para ser analisado e votado pelos vereadores.

“É um projeto que visa continuar o programa de pavimentação asfáltica na cidade em parceria dos moradores. “É preciso estabelecer os critérios de priorização de quais bairros serão atendidos. Os vereadores terão que votar a adesão de recursos da Caixa Econômica Federal, que tem a finalidade de financiar o asfalto comunitário”, explica Borges.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA ECONÔMICA

Parte desses recursos será investida na modernização da iluminação pública de Colíder. “Hoje, com as tecnologias novas, é possível fazer esses investimentos para, no futuro, gerar economia nas finanças públicas municipais, sobrando dinheiro para fazer outras coisas, e ao contribuinte, na taxa de iluminação pública”, salienta o secretário de Administração.

“A participação dos cidadãos na formulação de propostas e projetos relevantes de políticas públicas é direito assegurado por lei e auxilia os gestores a definirem as prioridades. Por isso, a presença de todos nessa audiência pública desta terça-feira é indispensável”, acrescenta Vanderlei Borges.

Por: Assessoria