oral sin
Especial | VARIEDADES

22 de Novembro de 2019 ás 09:04:15

Black Friday: Procon de Colíder alerta para compras on-line

No entanto o Procon de Colíder alerta que, para aproveitar as ofertas sem sofrer prejuízos

(Foto: Divulgação)

No dia 29 de novembro acontece no Brasil a Black Friday, um dos eventos mais aguardados pelos consumidores. No entanto o Procon de Colíder alerta que, para aproveitar as ofertas sem sofrer prejuízos, é importante ficar atento desde já aos preços dos produtos que pretende comprar. A sugestão é pesquisar agora para poder comparar com as ofertas do dia. Essa dica é importante para evitar o falso desconto.

O evento promete descontos de até 70%. Por isso, o Procon de Colíder orienta que os consumidores devem se precaver para não serem lesados. A maioria das fraudes acontece na internet. "É importante que o consumidor fique atento desde já os preços dos produtos que pretende comprar para não ser enganado e que possa aproveitar as ofertas sem sofrer nenhum tipo de dano", sugere Fernanda Soares, do Procon municipal.

A Fundação Procon São Paulo publicou uma lista com mais de 400 sites de empresas que tiveram reclamações de consumidores no órgão, foram notificadas e não responderam. Para ter acesso a lista na integram, clique aqui. “É preciso atentar desde fretes muito caros até atraso nas entregas, além de produtos danificados ou que divergem do anunciado”, diz Fernanda.

COLÍDER TERÁ MONITORAMENTO

Em Colíder, o Procon já começou a acompanhar preços para conferir o cumprimento das ofertas que serão anunciadas neste ano e a partir desta semana. A equipe vai monitorar os pontos comerciais e acompanhar os preços praticados na cidade.

O intuito é fiscalizar as falsas promoções, a venda de produtos que não estejam em estoque, a falta de informações precisas ao público, entre outras violações à Lei 8.078/90 (Código de Defesa do Consumidor).

“Em caso de dúvidas ou reclamações relativas à Black Friday, o consumidor deve procurar o Procon de Colíder, na rua Xingu, 42”, orienta Fernanda Soares. Também poderá fazer sua reclamação online, através da plataforma www.consumidor.gov.br.

Fernanda Soares esclarece ainda que, para compras on-line, o Código de Defesa do Consumidor garante ao cliente o direito de arrependimento pela compra. “O consumidor poderá pedir a troca ou a devolução da mercadoria em sete dias, sem justificar os motivos nem sofrer penalidade”, diz a coordenadora do Procon municipal.

CONFIRA DICAS DO PROCON

1) É importante o consumidor se cadastrar no site que deseja fazer a compra dias antes da Black Friday, para comparar a possível variação de preços.

2) Para evitar o endividamento, o consumidor não deve se deixar levar pelo impulso e adquirir apenas o que realmente precisa.

3) As compras on-line só devem ser feitas em sites seguros e confiáveis, de preferência que tenham cadeado no endereço eletrônico da loja. Isso deve ajudar a evitar sites maliciosos que estão tentando obter informações pessoais.

5) Procure no site informações básicas sobre o fornecedor: nome da empresa, CNPJ/CPF, endereços físicos e eletrônicos, telefone e demais informações que possibilitem seu contato e localização.

6) Guarde todos os registros de sua compra, como e-mails de confirmação, códigos de localização e de realização da compra. De preferência, utilize como meio de pagamento o cartão de crédito, pois caso haja algum problema é mais fácil de fazer o estorno.

Por: Assessoria