oral sin
Especial | VARIEDADES

10 de Janeiro de 2020 ás 16:29:00

Famílias aguardam perito da Politec em prédio tomado pelo mato em Alta Floresta

A falta de profissionais e demora na liberação do corpo aumenta a dor das famílias

Um familiar do jovem Ranen Douglas Santos, que morreu nesta madrugada em Nova Canaã do Norte, relatou a dificuldade das famílias da região até receber o atendimento da Politec de Alta Floresta e a liberação dos corpos.
 
Segundo ele, até a tarde de hoje, 10, duas mães enlutadas estão aguardando a chegada de um perito de Sinop, para liberar os corpos.
 
São duas vítimas de suicídios (um de Canaã e outro de Nova Bandeirantes) que aguardam para serem periciadas.
 
A situação da estrutura física do prédio da Politec reflete a desordem: está quase tomado pelo mato.
 
A população não suporta mais a falta de legista e espera uma providência por parte dos políticos da região Norte.

Por: Nortão Online