rei do pano
Especial | VARIEDADES

08 de Abril de 2020 ás 10:47:00

Governo e Senai fazem parceria para produção de 5 milhões de máscaras

Máscaras serão distribuídas para as unidades de saúde do Estado

(Foto: Christiano Antonucci)

O Governo do Estado e o Serviço Nacional de Aprendizagem em Mato Grosso (Senai-MT) firmaram uma parceria para a produção de 5 milhões de máscaras hospitalares, com a entrega de 1 milhão de máscaras por mês.

A parceria foi anunciada na tarde desta terça-feira (07.04), durante transmissão ao vivo na sede da Fatec/Senai em Cuiabá.

Para dar cabo a esta produção, o Governo do Estado vai custear o salário de 200 trabalhadores e arcar com as despesas dos insumos necessários para a produção, como os tecidos e aviamentos.

Já o Senai disponibiliza a estrutura da oficina de produção, assim como todos os equipamentos necessários.

"Todo o trabalho que está sendo feito é para ter 100% das EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) para os profissionais de saúde. As primeiras 500 mil máscaras vamos destinar aos hospitais municipais que estarão atendendo pacientes de covid-19. As demais vão para as unidades de Saúde do Estado", explicou o governador Mauro Mendes.

Para Mendes, essa parceria vai ser importante para que os profissionais de saúde de todo o Estado possam ter os equipamentos necessários para atender os pacientes de Coronavírus.

"Agradeço ao Senai, à Fiemt, e a todos os parceiros que têm colaborado com o Governo nesse momento delicado", afirmou o governador, que já presidiu o Senai e a Fiemt.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt), Gustavo de Oliveira, relatou que os profissionais contratados são alunos e ex-alunos dos cursos de qualificação do Senai.

"São 100 profissionais trabalhando por turno. Uma equipe trabalha de dia e outra à noite. O grande desafio no mundo todo é a aquisição de máscaras e por isso a importância de termos uma produção local. O Senai já tinha um banco de contatos de costureiras e costureiros que fizeram cursos de qualificação e as máquinas que havíamos usado para os cursos estavam paradas. Então reunimos as 100 máquinas aqui para concentrar essa estrutura de trabalho", afirmou.

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, ressaltou que a produção de máscaras nessa escala deve suprir de maneira satisfatória a demanda existente em Mato Grosso.

"Agradeço muito a parceria do Senai pelo esforço que está sendo feito em nos ajudar nesse momento. Há uma grande dificuldade no Brasil todo para a aquisição de EPIs", reforçou. 

Também participaram do anúncio os secretários Mauro Carvalho (Casa Civil), Alberto Machado (Gabinete de Governo) e o deputado estadual Carlos Avalone.

Por: Assessoria/Secom-MT