Os 10 maiores problemas dentais - Parte 2

20/06/2021 às 07:20

Autor: Redação

Dando continuidade ao assunto sobre os problemas dentais que costumam afetar a saúde bucal das pessoas. Listamos e explicamos a segunda parte dos 10 maiores deles para você ficar atento sobre os sintomas. Nesta conversa com o DOUTOR RENATO W. LOUREIRO, onde ele enfatiza a necessidade da prevenção.

6)Bruxismo: O bruxismo acontece quando a pessoa range ou aperta os dentes durante o sono. Pode estar relacionada ao fator genético, ao estresse e a problemas como tensão, ansiedade e até depressão. Seus principais sintomas, além do rangido, são: desgaste nos dentes e dores no rosto, na cabeça e no pescoço.

7)Erosão dentária: Consumir alimentos muito ácidos (açúcar, refrigerantes, sucos de fruta, etc.) ou sofrer de algum problema médico e psicológico (refluxo ácido, anorexia, etc.) pode fazer com que o esmalte (camada externa do dente) se desgaste. Os dentes costumam perder a cor e ficar sensíveis.

8)Cárie dentária: A cárie é o nome que se dá para a deterioração do dente. E essa deterioração depende do que a pessoa come, como cuida dos dentes, a presença de flúor na água ingerida e o flúor no creme dental de uso.

9)Dentes amarelos: Os dentes ficam amarelados por diversos fatores: hábitos alimentares (com excesso de corante, por exemplo), uso de medicamentos (antibióticos e outros), má higiene bucal e também predisposição genética.

10)Gengivite: A principal causa dessa doença é a formação da placa bacteriana(que se forma nos dentes e na gengiva e tem aparência incolor e viscosa). É provocada pela falta de higienização dos dentes e pelo não uso do fio dental. Os sintomas são: gengiva inchada, avermelhada e sensível; sangramentos durante a escovação; formação de bolsas entre os dentes; mau hálito e gosto ruim na boca.

Por mais tentador que seja deixar tudo para depois, visitar o dentista só quando a situação já está fora de controle pode ser um dos hábitos mais prejudiciais. Substituir as visitas esporádicas e traumatizantes por consultas regulares para manutenção é o segredo para viver melhor e sem preocupações. A melhor prevenção é também a dica mais simples: ouça e obedeça aos conselhos do especialista, reafirma o dr. Renato.

Fotos da notícias

Veja mais

DEIXA UM COMENTÁRIO Clique aqui

Teu email não será publicado.

Enviar comentário