Secretaria Municipal de Educação realiza montagem e distribuição de cestas básicas aos alunos em situação de vulnerabilidade alimentar

Colíder

11/08/2020 às 06:53

As equipes da Secretaria Municipal de Educação estão separando e acondicionando em cestas básicas os produtos da alimentação escolar destinados aos alunos da rede municipal de ensino que se encontram em situação de vulnerabilidade alimentar. O prefeito Noboru Tomiyoshi e o secretário Márcio Fernandes acompanharam o trabalho de montagem das cestas na manhã desta segunda-feira (10.07).

Desde março até julho, essa ação era realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social. A partir de agosto, a pasta da Educação passa a utilizar os recursos federais transferidos através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). Esse programa subsidia a alimentação escolar e ações de educação alimentar e nutricional destinadas a estudantes de todas as etapas da educação básica pública.

“São mais de 130 crianças que, nesta primeira etapa, receberão este benefício em Colíder”, informa o secretário Márcio Fernandes. “As escolas continuam realizando seus levantamentos. Tão logo apontem novas demandas, a gente acrescenta a esses pedidos. É um kit alimentar de ótima qualidade, com todos os itens da cesta básica, com produtos da agricultura familiar, frutas, verduras e legumes. É uma ação muito importante e vultuosa neste momento em que as crianças estão em vulnerabilidade alimentar”, acrescenta.

A Prefeitura de Colíder também contribui para complementar a alimentação escolar e atender a demanda. “Todos os anos, a gente coloca de recursos próprios mais do que a recebemos do governo federal. No ano passado, por exemplo, recebemos R$ 400 mil para a alimentação dos alunos e colocamos mais R$ 500 mil, totalizando R$ 900 mil. Uma vez que as atividades escolares estão suspensas devido à pandemia, nós baixamos uma portaria para que esses recursos fossem incluídos na alimentação para que as crianças continuem tendo um alimento saudável em casa. É uma cesta muito completa”, comenta Noboru Tomiyoshi.

ALIMENTAÇÃO NUTRITIVA

As cestas básicas são destinadas para aquelas famílias que realmente necessitam desse reforço alimentar. A demanda é identificada e informada à Secretaria de Educação pelas escolas municipais. “Então, neste momento de pandemia, a gente vai encaminhar esses alimentos que seriam utilizados na alimentação escolar para atender as famílias dos nossos alunos em vulnerabilidade alimentar. Foram adquiridos produtos básicos que seriam usados na merenda escolar e, também, produtos da agricultura familiar. É uma alimentação completa, rica em nutrientes”, explica a nutricionista Thais Ferrari.

A montagem das cestas básicas é acompanhada pelo Conselho Municipal de Alimentação Escolar. A técnica em alimentação Raquel Aparecida Amaral, que faz parte da entidade, afirma que esses alimentos ajudam a complementar a alimentação das famílias de alunos em situação mais difícil. “Estamos acompanhando e auxiliando na montagem e vamos participar da entrega aos alunos a partir desta terça-feira”, comenta.

Fonte: Assessoria


Fotos da notícias

Veja mais

DEIXA UM COMENTÁRIO Clique aqui

Teu email não será publicado.

Enviar comentário