Drogada trocou 4 filhos por crack e pasta base

Foto por: Divulgação

10/06/2021 às 07:11

Autor: Reporter MT

A usuária de drogas, identificada como R.R.F., que entregou o filho de 1 mês e 27 dias de vida, como forma de pagamento pelas suas dívidas de droga, em de Pontes e Lacerda (448 km de Cuiabá), já usou outros três filhos como moeda de troca com o tráfico.

O recém-nascido resgatado pela Polícia Militar na tarde de terça-feira (08), em uma boca de fumo foi o quarto filho dela usado como pagamento por craque e basta base, de acordo com o comandante do 18° Batalhão da Polícia Militar, tenente coronel Sandro Barbosa da Silva.

“Recebemos informações do Conselho Tutelar que ela teve cinco filhos. Um morreu e os outros quatro ela entregou para pagar as dívidas de droga que ela contrai em várias bocas de fumo da cidade”, afirmou.

O comandante explicou que dois dos filhos dela, resgatados, já foram adotados e os dois últimos estão no LAC (Lar de Apoio a Criança).

A mulher já perdeu a guarda de todos os filhos, no entanto, até a tarde desta quarta-feira (09), ela não tinha sido encontrada.

“Ela não tem moradia fixa, ela fica de pouco em ponto de droga. Ela faz uso de drogas baratas, pasta base e crack”, explicou comandante.

As buscas pela mulher ainda continuam. A Polícia Civil deverá apurar o caso.

Resgate do recém-nascido

A PM foi acionada para dar apoio aos conselheiros, que tinham uma ordem judicial expedida pela 2° vara de Pontes e Lacerda, que determinava o resgate da criança.

O recém-nascido estava em uma casa no bairro Residencial Vera, onde funcionava uma boca de fumo.

Quando chegaram no local, duas mulheres que estavam na residência, chegaram a negar a existência da criança no imóvel.

No entanto, com uma ordem judicial em mãos, os policiais entraram e encontraram o recém-nascido. Questionadas, as mulheres contaram que R.R.F., deixou o filho lá e foi embora.

 

Fotos da notícias

Veja mais

DEIXA UM COMENTÁRIO Clique aqui

Teu email não será publicado.

Enviar comentário